Uma Viagem pelo Brasil na Web

Brasil, 18 de Outubro de 2017

Bandeira do Brasil
Bandeira do Brasil

» Home
  :: Bandeiras
  :: Clima
  :: Culinária
  :: Cultura
  :: Curiosidades
  :: Dados Gerais
  :: Datas Comemorativas
  :: Divisão Política
  :: Economia
  :: Embaixadas
  :: Fauna
  :: Folclore
  :: Hidrografia
  :: Hino
  :: História
  :: Infra-Estrutura
  :: Litoral
  :: Parques
  :: População
  :: Relevo
  :: Reservas
  :: Tipos Populares
  :: Trajes Típicos
  :: Vegetação
  :: Sites Governamentais

 
» Regiões
» Estados
» Capitais
» Municípios


Brasil (BR)

Relevo
Planaltos | Depressões | Planícies | Pontos mais altos

Características:

O relevo do Brasil apresenta planaltos, planícies e depressões.
Por ser um território rígido e muito antigo, também não sofre mais a ação de vulcões e terremotos. Os agentes externos, como chuvas, ventos, rios, marés, calor e frio, são os responsáveis por esculpir suas formas. Ocasionalmente, os reflexos de tremores de terra ocorridos em pontos distantes são sentidos em algumas regiões do País.
A maior parte é constituída por planalto, chamado de Planalto Brasileiro com altura que varia entre os 305 aos 915 m. Entre suas principais cadeias estão a Serra da Mantiqueira, a Serra do Mar e a Serra Geral. A maior parte do terreno do planalto é composto por planícies onduladas e grandes áreas cobertas de florestas.
A planície ocorre, principalmente, na Bacia do Rio Amazonas e ocupa mais de um terço da superfície do País. As terras raramente ultrapassam os 150 m e são ocupadas por Florestas Tropicais.
Ao norte da Bacia Amazônica aparece outra área montanhosa conhecida como Maciço das Guianas; as cordilheiras incluem a Serra de Tumucumaque, com alturas que superam os 700 m, a Serra Acaraí e a Serra Parima.
O Pico da Neblina (3.014 m), situado na Serra do Imeri (AM), na fronteira com a Venezuela, é o ponto mais elevado do Brasil.
O litoral é margeado por uma estreita Planície Costeira, com exceção de algumas áreas nas quais o Planalto do Brasil entra no Oceano.

Planaltos:
  • Planalto Norte-Amazônico: ao norte dos Estados do Amapá, Pará, Roraima e Amazonas com as Serras de Taperapecó, Imeri, Parima e Tumucumaque. Nele se localiza o Pico da Neblina, ponto culminante do Brasil, com 3.014m.

  • Planalto Sul-Amazônico: Pará, norte do Mato Grosso e Rondônia com a Chapada do Cachimbo e as Serras de Dardanelos, Caiabis, Providência e Pacaás Novos.

  • Planalto da Amazônia Oriental: De Manaus até o Atlântico.

  • Planalto da Borborema: De Alagoas ao Rio Grande do Norte.

  • Planalto Sul-Rio-Grandense: Extremo sul do Rio Grande do Sul.

  • Planalto da Bacia do Parnaíba: Leste da Bahia e porção oriental do Tocantins.

  • Planalto do Atlântico-Leste-Sudeste: Na Bahia, Minas Gerais, São Paulo, Paraná e Santa Catarina, com as Serras da Mantiqueira, do Mar e do Espinhaço.

  • Planalto de Goiás-Minas: Serra da Canastra e a Chapada dos Veadeiros.

  • Planalto do Alto Paraguai: Estreita faixa de Mato Grosso com as Serras da Bodoquena e das Araras.

  • Planalto da Bacia do Paraná: Sul de Mato Grosso, sudoeste de Minas Gerais, oeste de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul com as Chapadas do Alto Taquari, Maracaju e dos Guimarães.

Depressões:

  • Marginal Amazônica: Cercam a planície do Rio Amazonas de norte a sul.

  • Depressão do Araguaia: Acompanha o Vale do Rio Araguaia.

  • Depressão do Tocantins: Acompanha o Vale do Tocantins do norte de Goiás até o norte do Tocantins.

  • Depressão Cuiabana: No sul de Mato Grosso.

  • Depressão do Alto Paraguai-Guaporé: Sudoeste de Mato Grosso e sul de Rondônia.

  • Depressão do Miranda: Sul do Pantanal Matogrossense no Mato Grosso do Sul.

  • Depressão Sertaneja e do São Francisco: Centro-Oeste de Minas Gerais, Bahia, Ceará, Rio Grande do Norte, Sergipe e parte da Paraíba, de Pernambuco e de Alagoas.

Planícies:
  • Planície Amazônica: Faixa que segue o Rio Amazonas e seus afluentes.

  • Planície do Araguaia: Oeste do Tocantins e norte de Goiás.

  • Planície do Pantanal Matogrossense: Oeste de Mato Grosso do Sul e sudoeste de Mato Grosso.

  • Planície do Guaporé: De Mato Grosso a Rondônia.

  • Planície das Lagoas dos Patos e Mirim: Larga faixa a leste do Rio Grande do Sul.

  • Planície Litorânea: Pequenas planícies na foz de rios menores como o Paraíba do Sul e Doce no Rio de Janeiro e Espírito Santo e o Ribeira do Iguape em São Paulo.

Pontos mais altos:

Picos Altitude (m) Localização
Pico da Neblina 3.014,1 Serra Imeri (AM)
Pico 31 de Março 2.992,4 Serra Imeri (AM) - Fronteira com a Venezuela
Pico da Bandeira 2.889,8 Serra do Caparaó (MG / ES)
Pico do Cristal 2.798,0 Serra do Caparaó (MG)
Pico das Agulhas Negras 2.787,0 Serra do Itatiaia (MG / RJ)
Pedra da Mina 2.770,0 Serra da Mantiqueira (MG / SP)
Pico do Calçado 2.766,0 Serra do Caparaó (ES / MG)
Monte Roraima 2.727,3 Serra do Pacaraima (RR) - Fronteira com a Venezuela e Guiana
Pico Três Estados 2.665,0 Serra da Mantiqueira (SP / MG / RJ)
Pico do Cadorna 2.596,0 Serra Imeri (AM) - Fronteira com a Venezuela

® Copyright 2000-2017 - Brasil Channel - todos os direitos reservados por lei,  proibida a reprodução total ou parcial deste site.
LEI Nº 9.610/98 - DIREITOS AUTORAIS, LEI Nº 9.609/98 PROTEÇÃO DA PROPRIEDADE INTELECTUAL e LEI No 10.695 - Código de Processo Penal